quarta-feira, 6 de março de 2013

ERÉS

 
                                 



Devemos nos lembrar que um Erê dentro do Candomblé, no processo de iniciação, recebe do Babalorixá ou da Yalorixá um nome novo dado-lhe como que num batismo. Ou seja, o que poderia ser um Joãozinho na realidade Umbanda. Após a iniciação no Candomblé o mesmo pode vir a se chamar depois Escudinho. Para demonstrar bem de que Orixá ele pertence.

Vamos aqui algums exemplos:
Flexinha - Odé;
Joaõzinho Maru;wô - Ogum
Pipoca - Omulu;
Rochinha - Xangô;
Pingo Dourado - Oxum;
Fonte Iluminada - Logun-Edé;
Estrelinha - Yemanjá;
Tempestade - Yansã;
Pilãozinho - Oxaguiã;
Pombinha branca - Oxalufã;

No Candomblé, Erê é o intermediário entre a pessoa e o seu Orixá, é o aflorar da criança que cada um guarda dentro de si; reside no ponto exacto entre a consciência da pessoa e a inconsciência do orixá. É por meio do Erê que o Orixá expressa a sua vontade, que o noviço aprende as coisas fundamentais do candomblé, como as danças e os ritos específicos do seu Orixá.
A palavra Erê vem do yorubá, iré, que significa “brincadeira, divertimento”. Daí a expressão siré que significa “fazer brincadeiras”. O Erê (não confundir com criança que em yorubá é omodé) aparece instantaneamente logo após o transe do orixá, ou seja, o Erê é o intermediário entre o iniciado e o orixá.
Durante o ritual de iniciação no Candomblé, o Erê é de suma importância pois, é o Erê que muitas das vezes trará as várias mensagens do orixá do recém-iniciado.
O Erê às vezes confundido com Ibeji, na verdade é a inconsciência do novo omon-orixá, pois o Erê é o responsável por muita coisa e ritos passados durante o período de reclusão. O Erê conhece todas as preocupações do iyawo (filho), também, aí chamado de omon-tú ou “criança-nova”. O comportamento do iniciado em estado de “Erê” é mais influenciado por certos aspectos da sua personalidade, que pelo carácter rígido e convencional atribuído ao seu orixá. Após o ritual do orúko, ou seja, nome de iyawo segue-se um novo ritual, ou o reaprendizado das coisas chamado Apanan.
A confusão entre Ibeji e Erê é muito frequente, ao ponto que em algumas casas de candomblé e batuque Ibeji é referido como Erê (criança) que se manifesta após a  chegada do orixá, em outras são cultuados como Xangô e ou Oxum crianças. Porém na verdade Ibeji é um orixá independente dos Erês. Dado o facto conhecido e recorrente de que muita gente transita entre o Candomblé e a Umbanda, é também natural que esta confusão se acentue, dados os conceitos e entendimentos diferentes que existem nas duas religiões e que muitas vezes as pessoas não conseguem diferenciar.
Na Umbanda, Erês, Ibejada, Dois-Dois, Crianças, ou Ibejis são entidades de carácter infantil, que simbolizam pureza, inocência e singeleza e se entregam a brincadeiras e divertimentos. Pedem-lhes ajuda para os filhos, para fazer confidências e resolver problemas. Geralmente supõe-se que são espíritos que desencarnaram com pouca idade e trazem características da sua última encarnação, como trejeitos e fala de criança e o gosto por brinquedos e doces. Diz-se que optaram por continuar sua evolução espiritual através da prática de caridade, incorporando em médiuns nos terreiros de Umbanda. São tidos como mensageiro dos Orixás, respeitados pelos caboclos e pretos-velhos. Geralmente, são agrupados em uma linha própria, chamada de Linha das Crianças, Linha de Yori ou Linha de Ibeji. Costumam ter nomes típicos de crianças brasileiras, como Rosinha, Mariazinha, Ritinha, Pedrinho, Paulinho e Cosminho. Seus líderes de falange incluem Cosme e Damião. Comem bolos, balas, refrigerantes, normalmente guaraná e frutas.





Ibeji

Ìbejì é o Òrìsà dos gêmeos. Da-se o nome de Taiwo ao Primeiro gêmeo gerado e o de Kehinde ao último. Os Yorùbá acreditam que era Kehinde quem mandava Taiwo supervisionar o mundo, donde a hipótese de ser aquele o irmão mais velho.
Cada gêmeo é representado por uma imagem. Os Yorùbá colocam alimentos sobre suas imagens para invocar a benevolência de Ìbejì. Os pais de gêmeos costumam fazer sacrifícios a cada oito dias em honra ao Òrìsà .
Conta uma lenda que os Ibejis são filhos paridos por Iansã e jogados nas águas. Osun os abraçou e os criou como se fosse seus filhos.
O animal tradicionalmente associado a Ìbejì é o macaco colobo, um cercopiteco endêmico nas florestas da África Equatorial. A espécie em questão é o colobus polykomos, ou “colobo real”, que é acompanhado de uma grande mística entre os povos africanos. Eles possuem coloração preta, com detalhes brancos, e pelas manhãs eles ficam acordados em silêncio no alto das árvores, como se estivessem em oração ou contemplação, daí eles serem considerados por vários povos como mensageiros dos deuses, ou tendo a habilidade de escutar os deuses. A mãe colobo quando vai parir, afasta-se do bando e volta apenas no dia seguinte das profundezas da floresta trazendo seu filhote (que nasce totalmente branco) nas costas. O colobo é chamado em Yorùbá de edun oròòkun, e seus filhotes são considerados a reencarnação dos gêmeos que morrem, cujos espíritos são encontrados vagando na floresta e resgatado pelas mães colobos pelo seu comportamento peculiar.
Ao contrário dos Erês, entidades infantis ligadas a todos os orixás e seres humanos, são divindades infantis, orixás-crianças. Por serem gêmeos, são associados ao princípio da dualidade; por serem crianças, são ligados a tudo que se inicia e brota: a nascente de um rio, o nascimento dos seres humanos, o germinar das plantas…
São divindades gêmeas infantis, é um orixá duplo e tem seu próprio culto, obrigações e iniciação dentro do ritual.
Divide-se em masculino e feminino, (gêmeos). No Oyó cultua-se como Erês ligado a qualidades de xangô e Oxum. Popularmente conhecido como xangô e Oxum de ibeji.

LENDA


Dois pequenos príncipes…
Existiam num reino dois pequenos príncipes gêmeos que traziam sorte a todos. Os problemas mais difíceis eram resolvidos por eles; em troca, pediam doces balas e brinquedos. Esses meninos faziam muitas traquinagens e, um dia, brincando próximo a uma cachoeira, um deles caiu no rio e morreu afogado. 
Todos do reino ficaram muito tristes pela morte do príncipe. O gêmeo que sobreviveu não tinha mais vontade de comer e vivia chorando de saudades do seu irmão, pedia sempre a Orumilá que o levasse para perto do irmão.
Sensibilizado pelo pedido, Orumilá resolveu levá-lo para se encontrar com o irmão no céu, deixando na terra duas imagens de barro. Desde então, todos que precisam de ajuda deixam oferendas aos pés dessas imagens para ter seus pedidos atendidos.
filhos de Iansã e Xangô…
Iansã e Xangô tiveram dois filhos gêmeos. Só que, quando eles ainda eram pequenos, houve uma epidemia que matou muitas crianças do povo, e um dos gêmeos morreu.
Os pais ficaram desesperados e Iansã, como é amiga dos Eguns, resolveu pedir sua ajuda. Esculpiu um boneco de madeira igual ao filho que havia morrido, vestiu-o e enfeitou-o como se fosse para uma festa e colocou-o no lugar de honra da casa.
Todos os dias ela colocava uma oferenda aos pés da imagem e conversava com ela como se fosse seu filho vivo. Comovidos com seu amor pela criança, os Orixás fizeram a estátua viver e Iansã voltou a ter seus dois filhos.











abaixo  nomes de alguns que eu conheço:

ERÊ DE EXU= Tição, Chifrinho.
ERÊ DE OGUM= Espadinha, Guerreirinho.
ERÊ DE Oxosse= Flexincha.caninos de prata
ERÊ DE xangô= Trovão, trovoada, gamelinha da justiça,  machadinho pilão.
ERÊ DE ossain= folhagem 
ERÊ DE omolu= Palhinha
ERÊ DE Ewa= mocinho (a).
ERe DE logum edé= encantado, Belinho.
ERÊ DE obá= guerrinha
ERÊ DE Oya= raio, vento, tachinho, bolinha de fogo.
ERÊ DE oxum= flor de lirio, amorzinho.princesa,
ERÊ DE yemonja= conchinha, ondinha, estrela do mar, maré.
ERÊ DE oxumaré= Arco- iris
ERÊ DENanÂ= lama, lodinho.
ERÊ DE OXALÁ= pombinho de prata, cajado, pilão.etc....


.XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
 

Cantigas de Erê 

florzinha

Ela gira na cachoeira
Oi come uva e adora brincadeira
Usa lacinho
Pra se enfeitar
O seu nome é julinha
É um erê de Oxalá

--------------------------------------------------------------------------------

Mariazinha

Mariazinha da beira da praia,
Como é que sacode a saia?
Mariazinha da beira da praia,
Como é que sacode a saia?
É assim, é assim, é assim
É assim que sacode a saia
É assim, é assim, é assim
É assim que sacode a saia

--------------------------------------------------------------------------------

Lá no céu tem três estrelas
Todas três em carreirinha
Lá no céu tem três estrelas
Todas três em carreirinha
Uma é Cosme, Damião
A outra é Mariazinha
Uma é Cosme, Damião
A outra é Mariazinha

--------------------------------------------
------------------------------------

Pedrinho

Ele é uma criança
Ele é um êre
Quando as ondas balançam saravá
É Pedrinho que vai descer
Vem criança da praia
Vem criança na areia
Ele é filho de Iemanjá
Ele é filho da Sereia.

--------------------------------------------------------------------------------

Ritinha

Abre a roda
Abre a roda
Que a Ritinha vem brincar
Hoje é dia de alegria
Vem criança vem brincar
Que lindo anjo
De candura
Vem do céu iluminar
Rosa mais pura
No jardim de Oxalá
Lalaiá

--------------------------------------------------------------------------------

Rubinho

OLHA AQUI, CHEGOU RUBINHO!
CHUVEIRO DO MAR!
O SEU PONTO É SEGURO
MEU PAI OXALÁ! 

--------------------------------------------------------------------------------

Pontos de Criança (diversos)
--------------------------------------------------------------------------------

Cosme e Damião, 
Damião cadê Doun ?
Doun foi passear lá no cavalo de Ogum
Cosme e Damião, 
Damião cadê Doun ?
Doun foi passear lá no cavalo de Ogum
Dois dois sereias do mar
Dois dois mamãe Iemanjá
Dois dois sereias do mar
Dois dois mamãe Iemanjá

--------------------------------------------------------------------------------

Cosme e Damião
O que é que eu vou comer ?
Peixe da maré
Com azeite de dendê !

--------------------------------------------------------------------------------

Fui no jardim colher as rosas
A vovózinha deu-me a rosa mais formosa
Fui no jardim colher as rosas
A vovózinha deu-me a rosa mais formosa
Cosme e Damião, ÔOOOh Doun
Crispim , Crispiniano
São os filhos de Ogum
Cosme e Damião, ÔOOOh Doun
Crispim , Crispiniano
São os filhos de Ogum

--------------------------------------------------------------------------------

Bahia é terra de dois
Terra de 2 irmãos
Governador da Bahia
É Cosme e São Damião
Bahia é terra de dois
Terra de 2 irmãos
Governador da Bahia
É Cosme e São Damião

--------------------------------------------------------------------------------

Bahia é terra de coco
Cidade de dois irmãos
Bahia é terra de coco
Cidade de dois irmãos
Governador da Bahia
São Cosme e São Damião
Governador da Bahia
São Cosme e São Damião

--------------------------------------------------------------------------------

Hoje tem alegria, hoje tem alegria
Hoje tem alegria no dia de hoje
Hoje tem alegria.

--------------------------------------------------------------------------------

Quem vem, quem vem lá de tão longe
São os anjinhos que vêm trabalhar
Quem vem, quem vem lá de tão longe
São os anjinhos que vêm trabalhar
Oi dai-me forças
pelo amor de Deus, meu Pai Oi dai-me forças
Nos trabalhos meus.

--------------------------------------------------------------------------------

Um, dois, três
Quatro, cinco, seis
Eu vou chamar criança
na cabeça de vocês

--------------------------------------------------------------------------------

Se eu pedir você me dá
Se eu pedir você me dá
Um brinquedinho papai
P"ra eu brincar
Um brinquedinho papai
P"ra eu brincar

--------------------------------------------------------------------------------

Cosme e Damião
a sua casa cheira
Cosme e Damião
a sua casa cheira
Cheira a cravo, cheira a rosa
e a botão de laranjeira
Cheira a cravo, cheira a rosa
e a botão de laranjeira

--------------------------------------------------------------------------------

Crianças quando vem lá de Aruanda
Inhaçã é quem manda
Crianças quando vem lá de Aruanda
Inhaçã é quem manda
Elas vem gritando
auê auê
ao romper da aurora
Elas vem gritando
auê auê
ao romper da aurora
esquindin, esquindin
as crianças brincam assim
esquindin, esquindin
as crianças brincam assim
esquindin, esquindin
as crianças brincam assim
esquindin, esquindin
as crianças brincam assim

--------------------------------------------------------------------------------

Que lindo cavalo branco
que aquele menino vem montando
Descendo naquela serra
dizendo que é filho de soldado
É Damião, é Damião
é Damião no lindo cavalo de Ogum
É Damião, é Damião
é Damião no lindo cavalo de Ogum

--------------------------------------------------------------------------------

Papai me mande um balão
pra todas as crianças
que tem lá no céu
Papai me mande um balão
pra todas as crianças
que tem lá no céu
Tem doce criança
tem doce criança
tem doce lá no jardim
Tem doce criança
tem doce criança
tem doce lá no jardim

--------------------------------------------------------------------------------

Brincadeira de Ibeje, aê,
Segura um reino
Brincadeira de Ibeje, aê,
Segura um reino.

--------------------------------------------------------------------------------

Brincando no jardim das rosas,
Cosme e Damião vêm na Umbanda
trabalhar
Louvando o nome de Santa Bárbara
Louvando o nome de lemanjá.

--------------------------------------------------------------------------------

MEU ANEL DE PEDRA VERDE
QUE EU PERDI PELO CAMINHO...
QUEM ACHOU
FOI O COSMINHO!
MEU ANEL DE PEDRA VERDE
QUE EU PERDI, CAIU NO CHÃO...
QUEM ACHOU
FOI O DAMIÃO! 
Meu anel de pedra verde
Que eu perdi no mar azul,
Quem achou
Foi Doum.

--------------------------------------------------------------------------------

Vamos apanhar, caruru,
No mato tem.
Vamos apanhar caruru,
Beira do rio.
Vamos apanhar caruru
Com o Faísca
Vamos apanhar caruru
Com Estrelinha
Vamos apanhar caruru
Com o Tufão
Vamos apanhar caruru
Com o Chuvisco.

--------------------------------------------------------------------------------

Formiguinha d"Angola
Como brinca
Formguinha d"Angola
Vamos brincar.

--------------------------------------------------------------------------------

Cosme e Damião,
Sua santa já chegou
Veio do fundo do mar
lemanjá foi quem mandou.
Dois dois, sereia do mar,
Dois dois, mamãe lemanjá (bis)

--------------------------------------------------------------------------------

EU FIZ UMA PRECE
EM FORMA DE CANÇÃO
EU OFERECI
A COSME E DAMIÃO
EU PEÇO A ELES
QUE EM NOME DE OXALÁ
QUE NOS DÊ SAÚDE
E PAZ PRA TRABALHAR
E NA MINHA PRECE
EM FORMA DE CANÇÃO
EU LHES PEÇO AINDA
SÃO COSME E DAMIÃO
PELAS CRIANÇAS
FLOR E BOTÃO
PELOS VELHINHOS
QUE LÁ SE VÃO
PELOS SOLDADOS
QUE A GUERRA VÃO
ACEITE A MINHA PRECE
SÃO COSME E DAMIÃO! 

--------------------------------------------------------------------------------

NO JARDIM DO CÉU BRINCAM AS CRIANÇAS
QUANDO ELAS VEM NA TERRA TRAZ AMOR E ESPERANÇA!
VENHAM CRIANÇAS, NOS AJUDAR!
A CRIANÇA É UMA FLOR E MERECE O NOSSO AMOR
PAI OXALÁ QUE AS ABENÇOE!
SEMPRE RESTA UMA ESPERANÇA QUANDO CHEGA UMA CRIANÇA!
VENHAM CRIANÇAS, VENHAM BRINCAR!
FECHA RODA MARIAZINHA VAMOS TODOS CANTAR!
ZUM ZUM ZUM CHUPA CHUPETA DOUM!
MAS VEJA QUE BELEZINHA A SAIA DA MARIAZINHA! (2X)

--------------------------------------------------------------------------------

Ô DOUM, Ô DOUM!
CADÊ COSME E DAMIÃO!
EU VOU DIZER A PAPAI
CAMARADINHA CHEGOU! 

--------------------------------------------------------------------------------

VAMOS BRINCAR DE RODA!
COSME, DAMIÃO, DOUM!
ELES VÊM MONTADOS NO CAVALO DE OGUM
APANHANDO FLORES PRA MAMÃE OXUM! 

--------------------------------------------------------------------------------

A ESTRELA E A LUA ERAM DUAS IRMÃS...
COSME E DAMIÃO
TAMBÉM SÃO DOIS IRMÃOS!
OXALÁ MEU PAI...
GUIA NOSSOS PASSOS!
SOMOS FILHOS DE UMBANDA
QUE BALANÇA, MAS NÃO CAI! 

--------------------------------------------------------------------------------

EU PEDI A OXALÁ
PRA MANDAR AS CRIANCINHAS
PRA VIR NA BANDA
BRINCAR E TRABALHAR!
TEM COCADA
TEM GUARANÁ
Ó CRIANÇAS
VENHAM ME AJUDAR! 

--------------------------------------------------------------------------------

MARIAZINHA (RITINHA ETC) DA BEIRA DA PRAIA...
COMO É QUE SACODE A SAIA ?
É ASSIM, ASSIM, ASSIM...
ASSIM QUE SACODE A SAIA! 
Juquinha (Pedrinho ETC) da beira da praia 
Como é se que abana o boné ? 
É assim, assim, assim 
Assim que se abana o boné 

--------------------------------------------------------------------------------

BRINQUEDINHOS VAMOS BRINCAR!
TODOS BRINCAM, VAMOS BRINCAR! 

--------------------------------------------------------------------------------

SE A CRIANÇA PEDIR VOCÊ LHE DÁ
UM LINDO BRINQUEDINHO PRA ELA BRINCAR!
SE A CRIANÇA PEDIR VOVÓ VAI DAR
UM LINDO BALANCINHO NO FUNDO DO MAR! 

--------------------------------------------------------------------------------

É MA LÊ LÊ!
MENINO DO CÉU É MA LÊ LÊ! (2X) 

--------------------------------------------------------------------------------

Crianças, crianças! Crianças de Umbanda! 
Crianças, crianças! Crianças de Umbanda! 
Para vencer demanda, Crianças, minhas Crianças! 
Para vencer demanda, Crianças, minhas Crianças! 

--------------------------------------------------------------------------------

Subida das Crianças
--------------------------------------------------------------------------------

Andorinha que voa , voa andorinha 
Leva as crianças pro céu Andorinha 
Andorinha que voa , voa andorinha 
Leva as crianças pro céu Andorinha 

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


A ESTRELA LA NO CEU BRILHOU
JOAOZINHO QUE APARECEU
SAO COSME E SAO DAMIAO E DOUN
GUIAI ESSES FILHOS SEUS.

Lá no céu tem três estrelas
Todas três em carreirinhas
Uma é cosme e damião
A outra é Mariazinha

papai me mande um balão pra todas crianças q vem lá do céu (bis)
Eu quero doce, eu quero bala
Eu uqero bola pra passar na sua cara(bis)


XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX




bebe-india

                                                          COMIDAS FAVORITAS

                                                     






MARIAZINHA DA BEIRA DA PRAIA!!!!!!!!
MARIAZINHA DA BEIRA DA PRAIA
COMO É QUE BALANÇA A SAIA(BIS)
É ASSIM,É ASSIM,É ASSIM
É ASSIM QUE BALANÇA A SAIA.(BIS) 


2 comentários:

  1. Gostaria de receber a historia de estrelinha (umbanda e Candomble) SE FOREM DIFERENTES meu e-mail brunogbellotto@gmail.com muito obrigado

    ResponderExcluir
  2. Ah que nostalgia que me bateu, minha mãe, que já é falecida incorporava Trovão, eu gostava tanto dele, ele era MUITO preguiçoso e adorava carne do sol rsrs.

    ResponderExcluir